Pé Na Escola | Educação Política Criativa | Imersões do Pé na Escola chegam ao fim
Após 3 anos, imersões do Pé na Escola chegam ao fim. Foco agora é produção de conteúdo online e presença em escolas.
pé na escola, educação política, educação política criativa, negócios sociais, produção de conteúdo educacional, consultoria educacional, metodologias de educação, inovação na educação, educação inovadora, consultoria de educação, formação de professores, Mariana Vilella, Bruno Bissoli, Renata Ferraz
21800
post-template-default,single,single-post,postid-21800,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,select-theme-ver-2.6,wpb-js-composer js-comp-ver-4.9.2,vc_responsive
 

Imersões do Pé na Escola chegam ao fim após 3 anos

Imersões do Pé na Escola chegam ao fim após 3 anos

Em 2017 o Pé na Escola está de cara e projetos novos. Dentre as novidades está a reformulação da forma como produzimos e disseminamos conhecimento sobre Educação Política.

Em 2013, quando começamos a gestar a ideia do que seria o Pé, logo surgiu a necessidade de ampliarmos nossa rede de relacionamento e diálogo, bem como nossas referências de conteúdos, teorias, experiências  e movimentos no mundo da Educação. Assim, decidimos que era o momento de entrar em contato com o maior número de pessoas que pudéssemos, pra falar de educação de forma horizontal, construtiva e investigativa. Para abrir nossa cabeça, expor nossas ideias e, principalmente, conhecer e estudar mais. Foi assim que nasceu o projeto da Imersão Pé na Escola, um encontro mensal, aberto e gratuito, organizado por nós, mas compartilhado por quem quisesse.

Em 3 anos de Imersões, sempre em formato horizontal e participativo, estudamos temas como educação integral, novas tecnologias educacionais, avaliação da educação, educação democrática, homeschooling e desescolarização, gênero e educação, base nacional curricular, cidades educadoras, práticas democráticas no ensino superior, educação para resolução de conflitos, gameficação do aprendizado, dentro outros temas, dos mais diversos. Lemos muitos textos e livros, assistimos a alguns filmes, conhecemos políticas públicas de ontem e hoje, e trouxemos convidados especialistas no tema do dia pra compartilhar seus saberes e experiências.

 

Promovemos dezenas de encontros que, no fim do dia, tornaram-se encontros para pensarmos juntos o país que somos e queremos ser. Porque educação é isso. É responsabilizar-se pelo destino da nossa e das próximas gerações.

 

Nesses três anos, dezenas de pessoas diferentes passaram pelas imersões, às vezes pra nos conhecer, às vezes pra ver o convidado do dia, outras pra conhecer o espaço escolhido naquele mês, mas, na maior parte dos casos, para trocar com novas pessoas suas ideias, experiências, angústias e esperanças para a educação brasileira. Muita gente se conheceu na Imersão. Muitos pela primeira vez colocaram em uma roda presencial aquilo que só vinham pesquisando e compartilhando virtualmente. Se ver, se ouvir, dialogar e trocar com presença e abertura é preciso e faz falta no mundo de hoje! Promovemos dezenas de encontros que, no fim do dia, tornaram-se encontros para pensarmos juntos o país que somos e queremos ser. Porque educação é isso. É responsabilizar-se pelo destino da nossa e das próximas gerações.

Sentimos nesse ano que a Imersão cumpriu seu propósito e seu ciclo. Aprendemos muito, não apenas sobre educação, mas também sobre diálogo, especialmente na sua dimensão de escuta ativa do outro.

Rubem Alves dizia que sempre viu anúncios de curso de oratória, mas nunca de curso de escutatória, e que essa era a sua vontade: ensinar às pessoas a importância do ouvir. Esperamos que nesses três anos a gente tenha aprendido e ensinado um pouco de escutatória.

A partir de agora o Pé na Escola, além de todas as atividades e serviços realizados diretamente em escolas e outros espaços de educação, vai se dedicar a outras formas de trocar conhecimento, com produção de conteúdo para nosso blog, para plataformas de educação e para o drops Caindo no Brasil. Além de novos formatos de eventos e publicações. Dentre outras novidades que vem por aí. Entendemos que o momento agora é de compartilhar com mais pessoas o nosso trabalho, aproveitar as tecnologia que temos à disposição para compartilhar nossos conteúdos, e nos voltar cada vez mais às pessoas e lugares diretamente ligados à educação escolar de nível básico. Esse foco agora será importante para conseguirmos aprofundar e dar maior abrangência às transformações em que aprendemos a acreditar, juntos.

Para todos que participaram das Imersões, nosso muito obrigado(a) e seguimos próximos =)

 

Mari, Re e Bruno.

Pé na Escola, 2017

Sem comentários

Deixe um comentário