Pé Na Escola | Educação Política Criativa | Sobre o Pé na Escola
O Pé na Escola é um negócio social que cria conhecimento, materiais e metodologias de educação política e em direitos humanos.
Pé na Escola, Educação política, educação política criativa, negócios sociais, mediação de conflitos na escola, consultoria educacional, faculdade de direito da USP, direito na USP, consultoria educacional, metodologias de educação, inovação na educação, educação inovadora, consultoria de educação, formação de professores, Mariana Vilella, Bruno Bissoli, Renata Ferraz
21668
page-template-default,page,page-id-21668,page-child,parent-pageid-18859,ajax_fade,page_not_loaded,,select-theme-ver-2.6,wpb-js-composer js-comp-ver-4.9.2,vc_responsive
 

O Pé na Escola

IMG_5011 editada

Mariana Vilella

Formada em Direito na USP, cursa o Mestrado em Educação: Currículo na PUC – SP, onde pesquisa o tema da autonomia pedagógica da escola. Atua como pesquisadora em temas de direito e educação. Compõe o núcleo de pesquisa Estado e Sociedade civil na FGV-SP. Na Faculdade de Direito foi fundadora e educadora em projeto de extensão universitária para educação de jovens e adultos. Em 2015 cursou a Formação de Governantes, curso promovido pela instituição Escola de Governo em parceria com a Ação Educativa.

Renata Ferraz

Mestranda em Educação na Faculdade de Educação da USP, onde pesquisa o tema da educação política e em direitos humanos. Advogada formada pela USP com experiência em grandes escritórios, tem formação na área de Direito Administrativo pela Sociedade Brasileira de Direito Público e participou da modelagem de parcerias público-privadas nas áreas de infraestrutura e serviços públicos. Trabalhou na ONG de educação Crea+ Brasil e também como educadora de jovens e adultos em projeto de extensão universitária durante a Faculdade de Direito.

IMG_5027editada

Bruno Bissoli

Graduado em Direito  na USP, com formação em mediação de conflitos pelo Instituto Brasileiro de Mediação e Arbitragem e em práticas restaurativas na escola pelo Instituto Vera Cruz. Tem especialização em Negócios Sociais pelo curso Yunnus – ESPM. Na Faculdade de Direito compôs o projeto GDUCC – Grupo de Diálogo Universidade-Cárcere-Comunidade e foi monitor de Direito Constitucional.

Nossa história

Nos conhecemos em 2007 durante a faculdade de direito na USP. Lá, participamos da criação de um grupo de estudos sobre educação com muitas outras pessoas além de nós, e inclusive demos aula durante um ano, diariamente, para funcionários da Faculdade, em geral das áreas de limpeza e manutenção. As aulas eram sobre temas variados de acordo com o interesse dos alunos, alguns queriam continuar seus estudos e prestar provas específicas e outros queriam aprender a ler ou frequantavam os encontros simplesmente porque gostavam de fazer cálculos. Já nessa época, questões de política e direito chegavam até nós na sala de aula, por uma notícia de jornal ou questões dos alunos mesmo, como problemas trabalhistas, por exemplo. Já nessa época a gente refletia muito sobre o papel da educação e sua importância para o exercício da cidadania e garantia de direitos.

 

Depois dessa experiência, que aconteceu nos nossos primeiros anos de Faculdade, continuamos realizando trabalhos na área da educação, às vezes juntos, às vezes individualmente, muita coisa voluntária e no terceiro setor. Mas sempre conciliando com estágios, cursos, depois a advocacia e outras atividades mais tradicionais na área do Direito.

 

No entanto, em agosto de 2013, quando tínhamos 2 anos de formados na Faculdade,  voltamos a nos encontrar para falar do nosso futuro. Estávamos animados com as manifestações de rua de junho de 2013 e ao mesmo tempo pensando que era preciso ter mais espaço e informação para falar do Brasil, do mundo, das leis e do Estado brasileiro, enfim, de tudo o que é comum. A gente percebeu que as pessoas queriam cada vez mais falar de política, mas às vezes faltavam informações, como por exemplo, saber o que faz um vereador. Será que é tudo culpa do presidente? Como funciona o nosso sistema político? Além disso, desde que começamos a estudar educação, sabíamos que fazia falta em nossas escolas uma preocupação com o desenvolvimento de valores e competências importantes para a vida democrática, como conversar e ouvir o outro, argumentar um ponto de vista de forma racional e respeitosa. E isso já começava a mostrar consequências mais extremas no nosso debate público, em manifestações de intolerância política, por exemplo.

 

Então pensamos: se juntarmos o que aprendemos sobre direito e política, durante a faculdade e na advocacia, com aquilo que aprendemos sobre educação, a gente pode oferecer algo importante, novo e que já fazia falta naquele momento. Nessa época descobrimos algumas iniciativas interessantes de educação política aparecendo na internet, e achamos que era importante que as pessoas continuassem a se encontrar presencialmente. Quisemos criar, conhecer e apoiar formas de desenvolver uma cultura democrática brasileira desde a base, e a escola nos pareceu um lugar com enorme potencial para isso. Por isso, em agosto de 2013, criamos o Pé na Escola!

Missão

Criar conhecimento, materiais e metodologias de educação política e em direitos humanos que contribuam para o desenvolvimento de uma cultura política democrática no Brasil.

Visão

Ser uma organização de referência em educação política criativa, reconhecida por professores, escolas, sociedade civil organizada e atuante na área da educação, gestores públicos e academia devido à qualidade e inovação de seus produtos e serviços.

Valores

Respeito aos Direitos Humanos

Criatividade

Excelência

Profissionalismo